..

Voltando das montanhas naquele horário onde a natureza parece estar dormindo. A terra e as árvores respiram fundo. Algumas folhas sonham que estão dançando, outras que são estrelas do rock. A neblina desce como uma enorme coberta que pretende me embalar também. Mas não posso ficar. Sou uma luz que cega e que atrapalha o sono dos que estão ali escondidos descansando na escuridão.