Quando foi que a vida se transformou em uma estação lotada e de trens que partem no mesmo horário com destinos tão diferentes? Gostaria de ver se existe um mundo fora daquela estação, mas minhas malas estão tão pesadas que não consigo ir muito longe. Carrego muito mais do que posso,  com medo de não ter nada. Carrego coisas que não sinto falta, por medo de um dia sentir. Além disso carrego a culpa de não ser verdadeira pra mim e de não conseguir ser perfeita pra você.