Até amanhã,...


Não tenho o costume de usar a expressão "Até amanhã, se Deus quiser!" Prefiro tirar esse peso dos ombros Dele e aceitar o fato de que se eu não aparecer no dia seguinte, foi por muito azar ou total incompetência da minha parte. 

A não ser que a minha vida não tenha sido um presente e sim um empréstimo, nesse caso faz sentido.

Mas como não recebi até agora nenhuma carta de reclamação (que é surpreendente) ou algum tipo de notificação sobre como devo cuidar dessa vida, aceitei como um presente. Então digo assim - "Até amanhã, se nenhuma estupidez minha exceder e a boa sorte prevalecer!"